quinta-feira, 8 de novembro de 2012

Pinkeep e scissor fob



Um pinkeep com motivos de costura que fiz para oferecer a uma amiga de longa data. Assim que vi esse freebie na net tive que o guardar de parte para o fazer pois tinha tudo aquilo que a minha amiga gosta. Apenas acrescentei Amo bordar em cima e a palavra broder que estava nesse sítio passei-a para baixo para combinar com a palavra love da lateral. As cores fiz a olho e tentei que combinassem com as de um outro bordado que fizemos juntas.



E para o pinkeep não fazer uma viagem sozinho fiz este scissor fob na mesma tela, com cores usadas no pinkeep e com motivos de costura. 
Eu acho que ficou um conjunto muito amoroso. 
A minha amiga gostou e isso foi o mais importante.



Un conjunto de scissor fob y pinkeep para una grande amiga que ama la costura. Me ha gustado mucho hacer este bordado y a ella le ha encantado el regalito por su cumpleaños.
El motivo del pinkeep lo he encontrado como freebie por la red.







Um conjuntinho azul


Desta vez saiu um conjunto azul de almofadinha para os alfinetes e marcador de livros. Inspirei-me na cercadura do marcador de livros e saiu aquela almofadinha com borboletas que andava para bordar para mim há meses.

Marcador de livros amizade


Um marcador de livros com um tema que gosto muito de bordar: a amizade.
Desta vez fugi aos tons cor de rosa e escolhi uma linha DMC de cor azul. É uma das minhas cores favoritas e faz-me lembrar o céu e o mar.


O bordado



O que se segue é um texto que encontrei na net há uns tempos e gostei muito e guardei mas lamentavelmente não me recordo em que página encontrei e se alguém tem direitos de autor sobre ele por favor diga-me para citar no final.
Dedico-o a todas as amigas.


O Bordado

Quando eu era pequeno, minha mãe costurava muito.
Eu me sentava no chão, brincando perto dela, e sempre lhe perguntava o que ela estava fazendo. Ela respondia que estava bordando e todo o dia era a mesma pergunta e resposta.
Eu observava seu trabalho de uma posição abaixo de onde ela se encontrava sentada e repetia:
- Mãe, o que a senhora está fazendo?
Dizia-lhe que de onde eu olhava o que ela fazia, me parecia muito estranho e confuso.
Era um amontoado de nós e fios de cores diferentes, compridos, curtos, uns grossos e outros finos. Eu não entendia nada.
Ela sorria, olhava para baixo e gentilmente me explicava:
- Filho, saia um pouco para brincar e quando terminar meu trabalho eu chamo você, coloco-o sentado no meu colo e deixarei que veja o trabalho da minha posição está bem?
Mas com toda aquela curiosidade infantil, eu continuava a me questionar lá de baixo: "Porque ela usa alguns fios de cores escuras e outros de cores claras? Porque eles me parecem tão desordenados e embaraçados? Porque estavam cheios de pontas e nós? Porque não tinham uma forma definida? Porque demorava tanto para fazer aquilo?"
Bem mais tarde, quando eu estava brincando no quintal ela me chamou:
- Filho, venha aqui e sente-se no meu colo. Quero lhe mostrar uma coisa.
É claroq ue fui correndo, louco para ver a sua "obra" acabada.
Eu sentei no colo dela e me surpreendi ao ver o bordado. Não podia acreditar!
Lá de baixo me parecia confuso e, agora, vendo de cima, vi uma paisagem maravilhosa!
Como podia ser?
Então minha mãe me disse:
- filho, vendo de baixo, tudo parecia confuso e desordenado porque você não via que na parte de cima havia um belo desenho. Mas agora, olhando o bordado da minha posição, você sabe o que eu estava fazendo...
Muitas vezes ao longo dos anos, tendo olhado para o Céu e dito:
- Pai o que estais fazendo?
Ele parece responder:
- Estou bordando a sua vida, filho.
E eu continuo perguntando:
- Mas está tudo tão confuso, Pai. Tudo em desordem ... Há muitos nós, fatos ruins que não terminam e coisas boas passando rápido. Os fios são tão escuros ... Porque não são mais brilhantes?
O Pai do Céu parece me dizer:
- Meu filho, ocupe-se com o seu trabalho, descontraia-se, confie em mim, e eu farei bem o meu trabalho. Um dia colocarei você em meu colo e, então, você vai ver o plano da sua vida da minha posição!

Trop chouette - Jardin Privé


Aqui estão as minhas corujinhas trop chouette do Jardin Privé. Bordei em tela Aida rústica da DMC e o resultado final superou as minhas expetativas.
Em pouco tempo bordei estas fofinhas e depois tive dúvidas sobre o destino que ia dar a este bordado. Surgiu a ideia de fazer uma almofadinha para quando estiver a bordar não ser incomodada e para não ficar apenas uma peça solta estou a terminar um scissor fob e quem sabe não faça também um pincushion, este último ainda não sei se o faça.
Depois eu mostro o conjuntinho pronto.


Asi que vi este bordado de Jardin privé no resisti a bordarlo. Estes son mis búhos trop chouette de Jardin Privé hechos en tela aida rústica de DMC. Me encanta como me ha quedado este bordado.
Pero después de bordarlo he tenido unas dudas, que hacer con el bordado?
He tenido la ideia de hacer una almohadilla para quando estiver bordando no ser perturbada por nadie. Pero solo eso? No. Tambien voy  a hacer un scissor fob y quien sabe un pincushion (esto aun no lo se si hago).
Cuando lo termine os muestro como me ha quedado todo.